Morre ginete tricampeão do Freio de Ouro

A Raça Crioula está mais triste. No último final de semana, o domador e ginete tricampeão do Freio de Ouro, Laurindo Afonso faleceu aos 54 anos. Conhecido pela sua agilidade, rapidez e por ter o tempo da vaca em seu DNA, o ginete foi sepultado no último domingo, em Bagé (RS), sua cidade natal.

Laurindo venceu o Freio de Ouro em três oportunidades, em 1991, montando o garanhão Hospedeiro de Santa Edwiges, em 1992 com BT Balconeiro e em 1997, foi campeão pela última vez ao montar o cavalo BT Inteiro do Junco.

De acordo com o diretor da Trajano Silva Remates, Gonçalo Silva, Laurindo Afonso era um ícone das provas funcionais, que teve como mestre o grande nome da raça Crioula, Vilson Souza.

Foto: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

Deixe um comentário

Seu comentário será publicado se estiver de acordo com as políticas de publicação do site. Seu e-mail não será publicado.