Freio de Ouro: Morfologia da raça Crioula deve ser acirrada

Uma das grandes expectativas dos criadores da raça Crioula nesta Expointer será a definição dos grandes campeões do ano na Morfologia. Depois de diversas prévias que envolveram sete estados brasileiros com as Exposições Passaportes onde os exemplares foram classificados, na terça-feira, 1º de setembro, serão conhecidos os vencedores do ano em evento no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).
O julgamento ficará a cargo de Vinícius Guedes Freitas. Ele explica que a expectativa para a exposição na Expointer é grande, especialmente pelo nível de competidores que evolui a cada ano que passa. O motivo é o trabalho que os criadores vem desempenhando dentro do que é preconizado pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) tanto no nível morfológico quanto no funcional. “Esperamos uma Expointer muito forte com um nível de cavalos bons muito alto. Muitos bons animais não passaram nas prévias por este alto nível, fruto da competência dos expositores e competitividade dos animais”, salienta.
Para Freitas, outra curiosidade é que muitos criadores novos entraram na raça Crioula com alto nível de investimento e que vão disputar palmo a palmo com os tradicionais criatórios os grandes campeonatos. “Temos muitos criadores novos que estão competindo de igual para igual com criadores mais antigos. Não se sabe quem pode ganhar uma categoria ou o campeonato. Difícil saber o que vai acontecer”, projeta.
A Morfologia vai começar na segunda-feira, 31 de agosto e os campeões serão definidos no dia seguinte.
Fonte: AgroEffective
Foto: Felipe Ulbrich/ABCCC/Divulgação

Deixe um comentário

Seu comentário será publicado se estiver de acordo com as políticas de publicação do site. Seu e-mail não será publicado.